Vou casar de qualquer jeito

Em época de pandemia noivas não desistem de casar e abrem um mercado bem bacana para novos cerimoniais

Muitos padres e pastores estavam com suas agendas cheias e as celebrações eram em hípicas, fazendas, hotéis, praias, deques e até em um pasto. Mas desde 18 de março, com as Igrejas fechadas por causa da pandemia, praticamente todas as cerimônias foram canceladas ou remarcadas para o início do ano que vem. “A situação estava uma tristeza. Eles atenderam muitas noivas chorando, desesperadas pelos sonhos adiados. Mas você sabe que noiva também é uma maravilha para ter ideia, não é.”

E foi um telefonema de uma noiva cheia de ideias que levou um padre para um drive-in. Sim, ele já pode colocar no currículo que celebrou um casamento com distanciamento social, convidados dentro dos carros e sorteio de buquê pela placa dos veículos. “Na hora do beijo, pedi uma salva de buzinadas”, brincou o padre.

“Fiquei noiva em dezembro do ano passado, o planejado era um casamento no formato tradicional, mas com a covid tudo mudou. Queríamos um casamento em 2020. Não desisti. Percebi que era possível fazer no esquema drive-in”, contou a noiva.

O evento foi todo organizado em apenas um mês com um espaço que já tinha expertise em outros tipos de festa. O lugar comportaria 200 automóveis, mas, para reforçar o distanciamento entre as baias, a lotação foi de 70.

Novo mercado e um ótimo investimento

A cerimônia foi transmitida em um telão e os áudios de padre, noivos e músicos, captados por uma frequência de rádio. Como era de se esperar, tudo também pôde ser acompanhado pela internet. No palco, apenas os noivos, madrinhas e padrinhos e, claro, o padre.

O uso de máscara para os convidados foi obrigatório. As bebidas foram servidas dentro do próprio veículo (com ênfase para bebidas sem álcool). Só era possível descer do carro depois de um aviso prévio para ir ao banheiro ou ao bistrô, onde a refeição era retirada. A noiva pôde fazer um zigue-zague entre os carros, dançar e chorar como em um casamento tradicional.

“A noiva tocou o projeto inteiro, eu apenas aceitei. Mas foi um sucesso. Nossos amigos falam dele (o casamento) até agora”, falou o noivo. De fato, o casamento/evento foi parar até na televisão e parece ter acendido uma faísca nas noivas. “Recebemos mais de 40 pedidos de orçamento nos últimos dias”, conta um cerimonialista, gerente da empresa idealizadora do Drive-In Funfest. Segundo ele, um casamento drive-in pode ser orçado a partir de R$ 25 mil (com o aluguel do espaço manobristas, estrutura de LED, som, luz, serviço de catering e bufê). Claro, dependendo dos opcionais e formato, esse valor pode ser muito maior. Neste caso, o céu é o limite.

Esse modelo parece ter sido a saída de parte do setor de eventos/casamentos para sobreviver aos cancelamentos. O formato já pode ser encontrado em outras empresas.

Gostou desta dica? Boa né?! E o que está esperando para investir nesta área?

Eu acredito em você!

Por

* Radialista, Fotógrafa e Palestrante Motivacional.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e