Você é uma pessoa elegante?

Elegância... É a disposição marcada pela harmonia e leveza nas formas, é a proporção das partes e dos movimento; donaire, garbo, graça

Muitas pessoas confundem elegância com vestir-se bem e com o que está na moda. Mas, afinal, o que é ser uma pessoa verdadeiramente elegante? Quais são os modos de agir ou de vestir-se de quem compartilha desta qualidade?

A elegância é um estado de espírito que vai muito além de saber usar roupas ou talheres certos.

O elegante demonstra interesse pelas pessoas, elogia, é pontual, não fala de suas posses, oferece ajuda, não faz fofocas, sorri com leveza de alma, é simples e sempre usa as palavras por favor, muito obrigada e sinto muito, não estende problemas, pelo contrário, a pessoa elegante resolve problemas e esquece, sem alimentar o que já passou, investe na sua história e jamais abandona suas origens e os semelhantes que passaram por sua estrada, diz a estilista e consultora em moda, Ana Paula Balthazar Fortuna.

Ela resume que elegância se traduz na maneira diária de se comportar com as pessoas, tendo jogo de cintura nos momentos mais críticos e nas conversas mais confusas. “E isso, definitivamente, não tem nada a ver com conhecimentos de etiqueta e muito menos poder aquisitivo”, analisa.

Conforme a consultora, o modo de se vestir de uma mulher elegante não requer modismo, ela sabe se produzir sem ser vulgar, pois conhece seu corpo e sabe o que lhe fica bem. Uma pessoa com esse perfil, segundo a estilista, escolhe peças refinadas e de qualidade, que combinem entre si e que durem por mais de uma estação.

A elegância que acompanha uma pessoa durante o dia e se manifesta nas situações mais prosaicas não tem nada haver com classe social. “Muitas vezes a pessoa pode não ter muitas posses, mas recebe uma boa educação e torna-se um indivíduo elegante em suas atitudes e sua maneira de ser.
Geralmente, estas pessoas conhecem seu biotipo e têm bom gosto, portanto, vestem-se bem investindo pouco, afirma.”

Detectar uma pessoa elegante é fácil, pois muitos parecem que já nasceram assim. Porém, tem a educação que é requisito básico. Quando os pais conduzem os filhos para este caminho, eles crescem com este atributo, passam a se conhecer e aprimoram ao longo da vida.”

A elegância vem de dentro para fora, e o que vem do interior de uma pessoa é o que transforma.

Você já deve ter conhecido pessoas que se vestem superbem, com roupas de marca, andam com seus carros importados, vivem no meio social sofisticado, frequentam lugares ilustres, mas infelizmente estes cenários não combinam com seu comportamento. Não é verdade?! É porque estas pessoas não são elegantes em sua forma real, elas são apenas chiques! E existe uma distinção entre estes dois polos.

Ser elegante é um estado de espírito, como já dissemos: é a proporção do que vem de dentro para fora. E ser chique é o que colocamos em uma figura, como se fosse uma capa, um acessório que apenas acrescenta no contexto, mas não faz parte da criação. Para embelezar o conjunto existe a necessidade da união destes dois polos, mas tendo em mente que a elegância é o fator primordial, mesmo não tendo acessórios.

Que possamos entender os reais valores de uma elegância e que possamos ir muito mais além… Que possamos ser pessoas com mais valores comportamentais do que financeiros. Não que seja errado ter dinheiro, ter posses, pelo contrário, essas características são uma recompensa de um trabalho, mas elas não podem apagar e nem matar nossa evolução como um ser humano, pois na verdade esta riqueza que temos na alma é que irá nos acompanhar quando partirmos deste plano, desta terra, deste mundo.

Depois de ler esta matéria, faça uma pergunta a você mesmo(a): eu sou uma pessoa elegante? Agora, seja sincero na resposta, e lembre-se:

A elegância faz parte da alma!
Seja você uma pessoa elegante, não apenas por um período, mas sim em tempo real.

Uma semana elegante para você, para mim, para todos nós!

Eu acredito em você!

Por

leny.espinola@oestadorj.com.br

* Radialista, Fotógrafa e Palestrante Motivacional.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e