Vírus espião que ataca órgãos estatais e ONGs é descoberto por empresa russa

A companhia russa de segurança cibernética Kaspersky divulgou nesta sexta-feira que detectou um vírus espião que, há um ano, ataca órgãos estatais e organizações não governamentais em diferentes partes do mundo.

“Os especialistas da Kaspersky identificaram a porta traseira SessionManager. Ela permite o acesso à infraestrutura informática corporativa e realizar um amplo espectro de ações malignas”, indicou a empresa, por meio de comunicado. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e