Após a greve, economista analisa a proposta da reforma da Previdência

No dia 14 de Junho, foi realizado greve geral no país e protestos em várias cidades contra o governo e a reforma da Previdência. No Rio de Janeiro, manifestantes de vários segmentos sociais se reuniram na Candelária, centro da cidade, e protestaram pacificamente até o início da noite. Houve confronto entre manifestantes e policiais na área próxima à Central do Brasil. O evento contou com a presença de Alessadro Molon, deputado federal pelo PSB e líder da oposição no Congresso. Em entrevista ao O Estado RJ, Ruy Santacruz, Diretor do Departamento de Economia da UFF, critica a polarização do espectro político brasileiro e analisa a proposta da reforma da Previdência do governo Bolsonaro.

Assista o vídeo:

Por

Comentários estão fechados.