Ucrânia denuncia ataques russos com bombas de fósforo contra Mariupol

O Exército da Rússia realizou mais de 50 bombardeios sobre a sitiada Mariupol, no sul da Ucrânia, inclusive, com o uso de “grande quantidade de bombas de fósforo”, conforme denunciou nesta quinta-feira o Batalhão de Azov, que integra as forças de Kiev e resiste na cidade portuária.

Cerca de 500 integrantes desse regimento, de cunho nacionalista, estão cercados, com aproximadamente 1.000 civis, nas instalações da siderúrgica de Azovstal, o único ponto de Mariupol que não foi tomado pelas tropas de Moscou. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e