Ucrânia calcula que Rússia mantém mais de 94 mil militares na fronteira

O ministro da Defesa da Ucrânia, Oleksiy Reznikov, afirmou nesta sexta-feira que os serviços de inteligência do país calculam a presença de mais de 94 mil militares da fronteira da Rússia e que o momento para um eventual ataque do vizinho seria no fim de janeiro de 2022.

Nossa inteligência está analisando todos os cenários, incluindo os piores. Dizem que há uma possibilidade de uma escalada de grande alcance por parte da Rússia”, disse o integrante do governo, durante audiência no Parlamento, informou a agência de notícias ucraniana “Ukrinform”. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e