Trump cogita proibir voto pelo correio

Adversário do republicano, o ex-vice-presidente Joe Biden rebateu as falas de Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou na segunda-feira (3) que ele tem o poder, se quiser, de decretar uma ordem contra a possibilidade de votação pelo correio, cogitada no país em razão da pandemia do novo coronavírus.

Pelas redes sociais, ele ameaçou processar o estado de Nevada.

“Em um golpe ilegal na calada da noite, o clubinho do governador de Nevada tornou impossível para os republicanos vencerem o estado. A postagem nunca dará conta do tráfego de cartas sem preparação. Usando a Covid-19 para roubar o estado. Nos vemos na Corte”, escreveu Trump em sua conta no Twitter.

Falando durante um evento virtual de arrecadação de doações, Biden afirma que o presidente pretende usar os poderes do cargo para “argumentar que essa eleição é fraudulenta”, disse, relembrando que Trump também defendeu recentemente o adiamento do pleito.

Adversário do republicano, o ex-vice-presidente Joe Biden rebateu as falas de Trump. O pré-candidato democrata acusa Trump de contar “mentiras deslavadas” sobre o voto por carta para distrair a atenção das críticas que vem recebendo.

Por

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e