Tribunal de Mianmar condena Suu Kyi a 4 anos de prisão

A ex-líder deposta de Mianmar e vencedora do Prêmio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi, foi condenada nesta segunda-feira a quatro anos de prisão por incitar e violar as normas da covid-19 na primeira sentença desde o golpe de Estado do início de fevereiro.

Suu Kyi, de 76 anos, que enfrenta vários processos, foi condenada em uma audiência na capital do país por um tribunal que impôs a mesma sentença ao presidente deposto Win Myint e uma sentença de dois anos de prisão para o ex-governador de Naypyidaw, Myo Aung. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e