Tribunal de Contas do estado do Rio reprova contas do governo Witzel

Após a decisão, cabe à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovar ou não os gastos do governo

Por unanimidade, o TCE-RJ (Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro) reprovou as contas do governo do estado referentes a 2019, primeiro ano da gestão de Wilson Witzel (PSC). As contas do Executivo fluminense foram reprovadas pelo quarto ano consecutivo.

Após a decisão, cabe à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovar ou não os gastos do governo. Se as contas forem reprovadas, o governador pode ser processado por improbidade administrativa.

A relatoria do conselheiro Rodrigo Melo do Nascimento apurou 11 irregularidades na administração pública fluminense que teriam sido cometidas durante o ano de 2019. O relator apontou inconsistências em gastos com fundos, como de segurança pública e meio ambiente, obras e pagamento das contas públicas.

O secretário estadual da Fazenda, Guilherme Mercês, participou da sessão, defendeu a aprovação das contas e explicou as dificuldades financeiras do estado. Após o julgamento, Mercês disse que a pasta está à disposição do TCE-RJ para auditoria das contas públicas.

Por

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e