TJ-RJ afasta Flordelis do mandato de deputada federal por unanimidade

Ela é acusada de ser a mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo

Nesta terça (23), mesmo dia em que Flordelis (PSD-RJ) teve seu processo aberto no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, a parlamentar foi afastada do mandato pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

A decisão foi tomada pela 2ª Câmara Criminal, em julgamento realizado por videoconferência. Ela é acusada de ser a mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo. 

A decisão foi tomada por três votos a zero e já está em vigor. Mas, a exemplo de quando foi determinada a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), decidida pelo Superior Tribunal Federal (STF), a decisão terá que ser avalizada pela Câmara dos Deputados, conforme determinado pela Constituição.

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e