Siderúrgica na Ucrânia sofre com ataques de artilharia pesada e bombardeios

O exército da Rússia está utilizando artilharia pesada, tanques e bombardeios aéreos para atacar a siderúrgica de Azovstal, na cidade portuária de Mariupol, o último reduto de resistência da Ucrânia no sul do país.

“Azovstal está sendo atacada não apenas pelo céu e com artilharia, mas sim, novamente, com tanques e tentam atacar de fora. Azovstal está em chamas novamente, depois do bombardeio”, escreveu Petro Andriushchenko, assessor da prefeitura de Mariupol, em mensagem veiculada através do Telegram. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e