Separação do lixo vira a “nova obsessão” das autoridades de Xangai

Não há mais lixo misturado ou ruas cheias de recipientes transbordando e fedorentos

As autoridades de Xangai têm há semanas uma clara obsessão: que seus 26 milhões de habitantes separem o lixo de suas casas, submetidos a partir deste mês de julho a uma regulamentação rigorosa, pioneira na China, que busca ser um exemplo para o resto do país.

Não há mais lixo misturado ou ruas cheias de recipientes transbordando e fedorentos. A reciclagem doméstica começa a prevalecer em uma das nações mais poluidoras do mundo, com políticas rígidas como essa lei que as autoridades vêm promovendo há semanas entre a população.

Por

Webjornal O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e