São Paulo assina contrato para projeto da Linha 19-Celeste do Metrô

Serão destinados R$ 93 milhões pelo governo na contratação do projeto, que deverá ser finalizado em 25 meses

O governo paulista assinou nessa terça-feira (21) o contrato para a elaboração do projeto básico da Linha 19-Celeste do metrô de São Paulo. A linha vai ligar o Bosque Maia, em Guarulhos (SP), à Estação Anhangabaú, no centro da capital paulista. Serão destinados R$ 93 milhões pelo governo na contratação do projeto, que deverá ser finalizado em 25 meses.

O projeto básico da Linha 19-Celeste será feito pelo Consórcio MNEPIE, que venceu a licitação para os trabalhos. O documento vai definir o formato final do traçado da linha e localização das estações, servindo de base para a contratação do projeto executivo e das obras. O projeto também indicará o modelo de captação de recursos financeiros.

A Linha 19-Celeste deverá ter aproximadamente 17,6 quilômetros de extensão e 15 estações entre Bosque Maia e Anhangabaú, com a previsão de cinco estações em Guarulhos, passando também pelas regiões de Jardim Brasil, Vila Maria (zona norte) e Pari, conectando-se às linhas 1-Azul, na Estação São Bento, e 3-Vermelha, na Estação Anhangabaú.

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e