Putin defende “cooperação honesta” pela saída da crise econômica mundial

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, fez um apelo nesta quinta-feira por uma “cooperação honesta” que ponha fim à crise econômica mundial, que, segundo ele, foi causada por “ações insensatas e egoístas de determinados Estados”.

“Somente mediante a cooperação honesta e mutuamente benéfica, se pode buscar uma saída à situação de crise que foi criada na economia mundial”, disse o chefe de Estado na cúpula virtual de líderes dos Brics, grupo formado também por Brasil, Índia, China e África do Sul. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e