PSDB pode decidir sobre prévias na sexta (26)

O vice-presidente do partido, Carlos Sampaio, disse que serão realizadas investigações internas para a identificação de eventuais crimes contra as prévias do partido

O presidente do PSDB, Bruno Araújo, disse, na tarde desta quinta-feira (25), que depende dos testes realizados por duas novas empresas envolvidas no processo de prévias para confirmar a data da continuação da votação. A decisão foi prorrogada para a sexta-feira (26).

“Nós vamos decidir com os candidatos amanhã”, disse Araújo, que mencionou ainda que estão sendo realizados testes com duas empresas para que um aplicativo capaz de dar continuidade ao processo seja apresentado. Os testes devem ser concluídos durante a madrugada de quinta para sexta-feira.

“Se houver a confirmação por parte das empresas (que o aplicativo pode ser utilizado) e não houver nenhum agente externo que impeça, a votação fica mantida para domingo (28)”, disse o presidente do partido. “Não quero me antecipar sem decidir sobre o instrumento que vai permitir isso”, completou.

O vice-presidente do partido, Carlos Sampaio, disse que serão realizadas investigações internas para a identificação de eventuais crimes contra as prévias do partido.

A ideia é realizar, “num prazo de 10 dias, as diligências necessárias para que possamos identificar as causas do mencionado congestionamento do sistema”, motivo apresentado pela Faurgs, fundação que criou o aplicativo.

A medida é tomada depois do TSE ter solicitado explicações ao PSDB para a suspensão das prévias, acatando um mandado de segurança de um filiado do partido.

O vice-presidente comunicou ainda que, depois da apuração interna, o partido deve encaminhar um relatório para a Polícia Federal para que “possa apurar eventuais práticas criminosas”.

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e