Presidente português vai pedir a Bolsonaro apoio do Brasil para a CPLP

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, vai conversar hoje (2), em Brasília, com o presidente Jair Bolsonaro sobre as comunidades portuguesa e brasileira nos dois países, a conferência dos oceanos, as relações União Europeia e Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, uma vez que Venezuela está temporariamente suspensa) e a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

“Não há CPLP sem o Brasil. O Brasil é uma potência mundial, é um país líder do Mercosul, tem um peso fundamental no universo latino-americano”, disse Rebelo de Sousa em Brasília.

Segundo o presidente de Portugal, é fundamental a participação do Brasil na CPLP para que a língua portuguesa tenha no mundo o peso que merece.

“O Brasil tem de estar profundamente empenhado na CPLP” para que a comunidade de língua portuguesa tenha “peso no mundo.”

Além de Portugal, Brasil e Cabo Verde, integram a CPLP Angola, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

*Com informações da RTP, emissora pública de televisão de Portugal

Por

Webjornal O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.