Presidente do México acusa Tribunal Eleitoral de “golpe à democracia”

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, acusou nesta quarta-feira de “golpe à democracia” o Tribunal Eleitoral do Poder Judiciário Federal (TEPJF) por cancelar a candidatura de seu aliado, Félix Salgado Macedonio, acusado de estupro.

López Obrador afirmou que os magistrados da TEPJF e os conselheiros do Instituto Nacional Eleitoral (INE) estão “conspirando contra a democracia” para eliminar as candidaturas de Salgado Macedonio ao governo de Guerrero, e de Raúl Morón, ao do estado de Michoacán. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e