PF faz ação contra tráfico de armas para grupos de extermínio do Rio

O acusado era ajudado pela filha, que mora na Flórida e que também foi indiciada por tráfico de armas

Policiais federais cumprem hoje (14) um mandado de prisão contra acusado de contrabandear peças de armas do exterior para o Rio de Janeiro. Pelo menos dez remessas de armamentos originárias da Flórida, nos Estados Unidos, foram identificadas pela Polícia Federal (PF), em um período de 20 meses, entre 2017 e 2018.

As peças eram montadas aqui no Brasil e revendidas para grupos criminosos do Rio de Janeiro, em especial para integrantes de grupos de extermínio.

De acordo com a PF, o acusado era ajudado pela filha, que mora na Flórida e que também foi indiciada por tráfico de armas.

O acusado também importava ilegalmente peças de armas da Nova Zelândia e de países asiáticos. O mandado de prisão foi cumprido dentro da Penitenciária Federal de Campo Grande (MS), onde ele já estava preso.

A PF informou que o esquema funcionou antes de ele ser preso, em 2019.

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e