Pelo 3º dia, Kiev e Moscou não têm acordo sobre corredor humanitário

A guerra causou a fuga de mais de 11 milhões de pessoas, mais de 5 milhões para países vizinhos

A vice-primeira-ministra ucraniana, Iryna Verechtchuk, informou que Kiev e Moscou não conseguiram chegar a acordo para a organização hoje (19) de corredores humanitários para retirar civis, o que ocorre pelo terceiro dia consecutivo.

“Hoje, infelizmente, não existe qualquer corredor humanitário. Os bombardeios intensos continuam em Donbass”, no Leste do país, onde Kiev disse que as forças russas lançaram grande ofensiva nessa segunda-feira, escreveu a governante na plataforma de mensagens Telegram.

A Rússia lançou, em 24 de fevereiro, ofensiva militar na Ucrânia que já matou quase 2 mil civis, segundo dados da Organização dasNações Unidas (ONU), que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A guerra causou a fuga de mais de 11 milhões de pessoas, mais de 5 milhões para países vizinhos.

A invasão russa foi condenada pela comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento à Ucrânia e o reforço de sanções econômicas e políticas a Moscou. RTP

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e