Oposição denuncia prisão de ex-Miss Nicarágua e candidata à vice-presidente

A oposição Aliança dos Cidadãos pela Liberdade (CxL) denunciou nesta quarta-feira a prisão e desqualificação de sua candidata à vice-presidência da Nicarágua, a modelo Berenice Quezada, em meio a uma onda de prisões a três meses das eleições em que Daniel Ortega busca a reeleição.

Benerice Quezada “foi notificada em sua residência pelas autoridades judiciárias e pelo Ministério Público, acompanhados pela polícia, que a partir desse momento está em prisão domiciliar, sem acesso a telefone, com restrições de imigração e inibida de concorrer a cargos públicos”, disse a CxL em um comunicado. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e