Operação demole sete prédios ilegais em área de milícia no Rio

Segundo o MPRJ, as construções foram erguidas por um suspeito de integrar a milícia, preso há duas semanas pela Polícia Federal

A prefeitura do Rio de Janeiro fez hoje (3) uma operação para demolir sete edificações erguidas de forma irregular na comunidade da Muzema, na zona oeste da cidade.

A área é controlada por uma milícia, grupo armado que pratica extorsões na região e explora o mercado imobiliário de forma ilegal, com ocupações irregulares e construções sem licença.

Os alvos da operação de hoje, que contou com o apoio da Polícia Militar e do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), foram três lava-jatos, uma oficina, uma igreja, um quiosque, um restaurante, um estacionamento e uma estrutura em fase de fundação na Estrada do Itanhangá.

Segundo o MPRJ, as construções foram erguidas por um suspeito de integrar a milícia, preso há duas semanas pela Polícia Federal.

Em abril de 2019, dois prédios irregulares desabaram na comunidade, matando 24 pessoas.

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e