Operação contra crime organizado cumpre 27, de 36 mandados autorizados

As investigações começaram a partir da prisão em flagrante de Fernando Balbinot, conhecido FB, e Jonatas Nunes de Barros, o Cocão, em abril do ano passado

A Operação Triunvirato terminou com 27 mandados de prisão cumpridos, de um total de 36 autorizados pela Justiça. Realizada pela Polícia Civil em conjunto com o Ministério Público Estadual nos municípios de Campos dos Goytacazes e Porciúncula, no norte fluminense, a ação visava prender integrantes de uma organização criminosa acusada de crimes como homicídio, sequestro e extorsão. Do total de mandados de prisão cumpridos, 15 foram contra presos que já cumprem pena no sistema penitenciário por outros crimes.

As investigações começaram a partir da prisão em flagrante de Fernando Balbinot, conhecido FB, e Jonatas Nunes de Barros, o Cocão, em abril do ano passado. Na época foram apreendidas armas, drogas, munições e um caderno de anotações do tráfico de drogas. Mesmo preso, Balbinot continua atuando como chefe da quadrilha e principal liderança do grupo criminoso que atua na Baixada Campista.

De acordo com o Ministério Público, o grupo é liderado de dentro do presídio Carlos Tinoco da Fonseca, em Campos. O líder da quadrilha é acusado de formar uma equipe de gerentes e associados que passaram a atuar nas comunidades de Farol de São Tomé, Saturnino Braga, Mineiros, comunidade do Transmissor, Baixa Grande, além do município de Porciúncula.

Por

Webjornal O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e