ONU vê “evidências crescentes” de crimes de guerra na Ucrânia

O Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos enxerga “evidências crescentes” de crimes de guerra na Ucrânia, onde “as forças armadas russas bombardearam indiscriminadamente áreas povoadas, assassinando civis e destruindo hospitais, escolas”, além de outras infraestruturas não militares.

Nas oito semanas de conflito, “a lei humanitária internacional, não apenas foi ignorada, mas sim, totalmente, abandonada”, aponta comunicado assinado pela alta comissária das Nações Unidas, Michelle Bachelet. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e