“Nossa responsabilidade é que a guerra não saia da Ucrânia”, diz Blinken

O secretário de Estado americano, Antony Blinken, reiterou nesta sexta-feira sua rejeição a que a Otan ajude a impor uma zona de exclusão aérea sobre a Ucrânia, uma vez que, segundo destacou, os aliados têm a responsabilidade de garantir que a guerra iniciada pela Rússia “não se espalhe” para fora desse país.

“Embora façamos todo o possível para dar aos ucranianos meios de se defenderem, temos a responsabilidade de garantir que a guerra não se espalhe além da Ucrânia”, disse Blinken em entrevista coletiva após participar de uma reunião ministerial da Otan e depois como convidado de um Conselho de Relações Exteriores da União Europeia em Bruxelas. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e