Nos dias frios, uma taça de vinho e um bom filme e só

Será que finalmente o frio chegou? Estamos vivendo alguns dias de uma queda brusca na temperatura e que fez as pessoas tirarem os casacos dos armários. Eu sou do sol, eu gosto do verão, mas não posso negar que o frio tem seu charme. O clima ameno e fresco faz muito bem ao espírito e à saúde. É bom poder sair à noite e poder se arrumar melhor. A mulher adora colocar suas roupas, botas e acessórios que combinam com a temperatura mais baixa.

Outra coisa boa desse clima é você beber as bebidas mais quentes, tipo um vinho e até chocolate quente. Certa vez escrevi sobre o que fazer num sábado a noite você que está sozinho e sem vontade de sair de casa devido ao tempo mais frio. A ideia que me vem à cabeça é justamente a que falei na época, podemos ficar em casa sim num sábado a noite bebendo um chocolate quente e escrevendo ou mesmo assistindo um belo filme ou programa de TV.

Passaram-se alguns anos e a premissa continua a mesma. E parece que esse fim de semana teremos a oportunidade de experimentarmos essa sensação. O frio nos faz pensar e refletir melhor. Quando faz frio eu costumo ter meus melhores pensamentos. Engraçado, né?

Você deve estar se perguntando: então esse cara não deve ter bons pensamentos sempre, pois aqui não se faz frio na maioria do ano. É verdade! Aqui não se faz frio na maioria do ano, mas para que serve nossa mente? Isso mesmo, para pensar, imaginar, criar todas as expectativas possíveis e imagináveis. E eu faço uso desse mecanismo na estiagem de frio aqui no Rio de janeiro.

Então quando faz frio e o clima muda eu aproveito melhor esse momento para viajar nos pensamentos e por pra fora momentos que minha mente guarda cuidadosamente.

Esse fim de semana já me programei, um belo filme com uma taça de vinho. A noite, uma boa e generosa caneca de chocolate quente para ajudar a aquecer a alma e o sono.

Por

Jornalista e comentarista esportivo. Moro em Niterói há 22 anos. Fã de cultura e esportes. Ex-editor em jornais na cidade do Rio de Janeiro. Atualmente me dedico à interatividade cultural. Acredito na importância da divulgação por todos os meios da cultura nesse país.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e