Maternar e empreender: como cuidar de um leão por dia

Sim, você leu certo. Eu não disse como matar um leão por dia porque matar não é assim tão difícil. Mas você já pensou em cuidar de um leão?

São muitos cuidados: alimentação, atividade física, higiene e o constante medo do leão te devorar. Para quem não sabe, maternar e empreender é mais ou menos isso. 

Deixar seus filhos em uma creche para sua vida vida como mulher empreendedora não parar

Passamos dias cuidando de um negócio e de uma vida (às vezes várias vidas). São muitas responsabilidades juntas porque temos pessoas que dependem de nós para levar o sustento para casa, temos clientes que dependem do nosso trabalho e filhos que dependem de nós em várias áreas da vida. 

Quando se trata dos nossos filhos, o medo de sermos devoradas é constante. Ficamos sobrecarregadas com funções como alimentar, vestir, cuidar, entreter. Como se não bastasse, ainda tem a sensação de que a maternidade pode acabar nos resumindo e tudo aquilo que construímos fica em segundo plano. 

É certo que somos condicionadas a ser multifuncionais, mas é cansativo ser mulher, empresária e mãe. 

A maternidade surge na vida de muitas mulheres com a culpa materna e ela dói. Dói porque apesar de mãe, somos muitas outras coisas. Dói porque só quem já ouviu uma cria chorosa pedindo pra você faltar ao trabalho sabe como é difícil seguir para mais um dia cheio no escritório, na rua, ou em qualquer espaço para cumprir sua atividade profissional. 

Mulheres, mães, empreendedoras, trabalhadoras, estudantes, universitárias, filhas, sabemos como é difícil cuidar destes leões. A poção mágica ainda não foi encontrada para que essas nossas dores e culpas sejam resolvidas, mas descobri que quando estamos juntas somos sempre mais fortes. 

Por isso, o melhor para estes casos é parar, respirar e colocar um limite em algumas das tarefas. Tudo na nossa vida é prioridade, ao menos é assim que nós julgamos nossas atividades, mas querendo ou não, vai chegar uma hora de numerar as “prioridades” e deixá-las para o final, senão o leão vai te devorar.

Infelizmente não temos como fugir das responsabilidades que nos foram atribuídas como mãe, mas é necessário apelar por ajuda. As creches, as babás, estão prontas para nos auxiliarem com este papel, visto que você precisa sair para cumprir sua carga de horário em seu trabalho. Sei que muitas mulheres não tem como pagar uma babá, ou até mesmo uma creche, mas esse será um esforço necessário. Ao invés de uma sapato novo, de um vestido ou bolsa nova, entrará a despesa com a profissional que irá tomar conta dos seus filhos. É um investimento necessário para que sua vida profissional não pare. Muitas mulheres podem para de trabalhar, para ficar em casa e curtir a maternidade, mas outras tantas infelizmente não curtem deste privilégio, por isso precisam de ajuda e precisam economizar.

Agora vou deixar um conselho básico: Pare de reclamar!!!!

A maternidade é linda e, mesmo no corre-corre, ela nos mostra o quanto somos capazes para cumprir nosso papel como mulher. Mulher sábia, mulher que ultrapassa limites com ou sem salto. E a maternidade não pode parar sua vida profissional. Basta apenas uma organização!

Organize suas prioridades, economize com bobagens, gaste o essencial. Com o controle da sua vida financeira, você poderá investir no seu tempo. Tempo como mãe e como profissional.

Ser mãe é lindo, e ser mãe empreendedora é mais lindo ainda!

Matar ou cuidar de um leão por dia?

Vamos debater esse assunto? Sei que muitas irão discordar no assunto, mas o legal é isso!

Eu Acredito em Você!

Feliz Semana!

Por

leny.espinola@oestadorj.com.br

* Radialista, Fotógrafa e Palestrante Motivacional.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e