Maduro olha para o horizonte chinês para reaquecer economia venezuelana

Do “socialismo com peculiaridades chinesas” ao “socialismo bolivariano”, a crise venezuelana não dá trégua, e o governo não para de buscar alternativas para conseguir respirar. Agora, os dois Nicolás Maduro (pai e filho) voltaram os olhos para a China para imitar suas Zonas Econômicas Especiais (ZEE).

O objetivo é atrair investimentos estrangeiros, mas com as peculiaridades habituais do Caribe. Por enquanto, o projeto está cercado de mistérios, e várias vozes da oposição temem que sirva para entregar recursos naturais a interesses estrangeiros. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e