Kim Jong-un diz que EUA mantêm “política hostil” e rechaça diálogo

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, disse ao Parlamento do país que rechaça as conversas propostas pelos Estados Unidos porque considera a oferta de “diálogo sem condições prévias” como “uma fachada para enganar a comunidade internacional e disfarçar suas hostilidades”.

Kim declarou ontem, durante uma sessão da Assembleia Popular Suprema, como se chama o Parlamento norte-coreano, que a proposta de Washington é apenas “uma extensão da política hostil seguida por governos americanos anteriores”, informou nesta quinta-feira (data local) a agência de notícias estatal “KCNA”. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e