Indígenas derrubam estátua do fundador de Bogotá durante protestos

A estátua do fundador de Bogotá, o conquistador espanhol Gonzalo Jiménez de Quesada, foi derrubada nesta sexta-feira do pedestal em que estava instalada no centro da cidade por um grupo de indígenas, como parte dos protestos que acontecem no país há dez dias.

O monumento a Jiménez de Quesada, que o mostra com o braço direito erguido e apontando sua espada para baixo, foi derrubado por membros da etnia Misak, o mesmo grupo que no dia 28 de abril, primeiro dia dos protestos, derrubou o monumento em homenagem ao fundador de Cali, o conquistador Sebastián de Belalcázar. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e