Guterres pede que Mianmar encerre repressão e liberte detidos

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, pediu nesta segunda-feira, na inauguração do 46º Conselho de Direitos Humanos da ONU, que o Exército de Mianmar “pare imediatamente a repressão” e liberte os detidos após quase três semanas de protestos contra o golpe.

“Devem acabar com a violência, respeitar os direitos humanos e respeitar a vontade que o povo expressou nas últimas eleições”, disse o secretário-geral, lembrando que “os golpes não têm lugar no nosso mundo moderno”. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e