Governo do México expõe funcionários que ganham mais que o presidente

O governo do México expôs nesta segunda-feira mais de uma dezena de funcionários que recebem um salário superior ao do presidente, Andrés Manuel López Obrador, o que é proibido pela Lei Federal de Remuneração dos Servidores Públicos, que foi modificada pelo atual governante.

Ricardo Sheffield, procurador federal do consumidor, afirmou que, enquanto o presidente tem um salário líquido mensal de 136.700 pesos (cerca de R$ 36.000), o conselheiro do Judiciário Federal e o presidente do Tribunal Eleitoral do Poder Judiciário da Federação (TEPJF) ganham mais de 286.000 pesos (cerca de R$ 75.000). Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e