Gordura no fígado coloca em risco 25% da população mundial, diz estudo

A EHNA tem recebido pouca atenção da comunidade mundial de saúde pública

A esteatose hepática não alcóolica (EHNA), conhecida como gordura no fígado, afeta cerca de um quarto da população mundial adulta e, apesar de ser uma das principais causas para cirrose e câncer de fígado e de óbito por doenças cardiovasculares, é uma condição silenciosa e comumente negligenciada, inclusive por profissionais de saúde, segundo um estudo publicado recentemente pela revista britânica Nature.

“Ao contrário de outras condições altamente prevalecentes, a EHNA tem recebido pouca atenção da comunidade mundial de saúde pública. As respostas do sistema de saúde e da saúde pública à EHNA têm sido fracas e fragmentadas e, apesar de sua abrangência, ela é amplamente desconhecida fora da hepatologia e da gastroenterologia”, destaca o artigo científico.

Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e