FIDH defende que Brasil respeite os direitos humanos para ingressar na OCDE

O Brasil, um dos seis países que iniciaram o processo de adesão à Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) nesta semana, tem que respeitar os direitos humanos e o meio ambiente para entrar nesse clube de países avançados, segundo a Federação Internacional de Direitos Humanos (FIDH).

“É fundamental abordar o processo de entrada do Brasil de uma forma diferente”, disse Maddalena Neglia, da FIDH, em comunicado divulgado nesta sexta-feira, afirmando que não apenas critérios econômicos, tais como a eliminação de barreiras comerciais e investimento, precisam ser levados em conta. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e