Festas ilegais de espanhóis e estrangeiros se multiplicam em Madri

A polícia local de Madri interveio em 474 festas clandestinas ou reuniões ilegais de espanhóis e estrangeiros em residências entre a última quinta-feira e domingo, que se multiplicam todos os fins de semana na capital da Espanha, apesar de serem totalmente proibidas devido à epidemia da Covid-19.

Desde o início do segundo estado de alarme na Espanha, no dia 25 de outubro do ano passado, a polícia teve que intervir em 7.789 festas ou reuniões em Madri por incumprimento das medidas sanitárias, que são mantidas por medo de uma nova onda de infecções. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e