Fernández volta à Argentina criticado e em busca de apoio para acordo com FMI

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, retornou nessa quarta-feira ao país após compromissos oficiais em Rússia, China e Barbados e já busca apoio político para que o Congresso ratifique o acordo alcançado com o Fundo Monetário Internacional (FMI) para a renegociação de uma dívida de mais de US$ 40 bilhões com a entidade.

Fernández desembarcou em Buenos Aires após visitar o país caribenho, onde se reuniu com a primeira-ministra, Mia Mottley. Antes, ele esteve em Moscou e Pequim e teve encontros com os presidentes russo e chinês, Vladimir Putin e Xi Jinping. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e