“Ex-chanceler” das Farc detido no México volta à Colômbia

Rodrigo Granda, um dos ex-líderes das Farc, chegou à Colômbia nesta quarta-feira, um dia depois de ser detido ao desembarcar no México por ser alvo de uma difusão vermelha emitido pelo Paraguai por “sequestro, associação criminosa e homicídio intencional”.

“A ordem estava adormecida no Paraguai”, disse Granda, conhecido como “chanceler” da extinta guerrilha Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), a jornalistas após cumprir os trâmites de imigração no aeroporto El Dorado, em Bogotá. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e