Ex-chanceler alemã Angela Merkel é presidente do júri do Gulbenkian Prize for Humanity

Merkel esteve 16 anos à frente do estado alemão e desde que deixou o papel de chanceler, em dezembro de 2021, poucas foram as aparições públicas.

Angela Merkel aceitou ser presidente do júri do Gulbenkian Prize for Humanity, substituindo assim o antigo ex-Presidente da República de Portugal Jorge Sampaio. Este é o primeiro cargo da ex-chanceler alemã desde que saiu do poder.

O anúncio já foi confirmado por um porta-voz de Merkel, acrescentando que a ex-chanceler deverá assumir o novo cargo a partir de setembro, cerca de um ano depois de ter abandonado a política alemã.

Angela Merkel esteve 16 anos à frente do estado alemão e desde que deixou o papel de chanceler, em dezembro de 2021, poucas foram as aparições públicas.

A ex-chanceler já tinha informado o governo alemão que queria presidir o júri. Uma decisão que, em 15 de junho, ganhou sinal verde para acontecer sem qualquer.

Como presidente do júri do Gulbenkian Prize, ela estará presente na cerimónia em que o galardão (homenagem pelos serviços prestados) será entregue a uma personalidade. Em 2020, a fundação portuguesa, criada em 1956, criou esta nova categoria de reconhecimento.

O Gulbenkian Prize for Humanity, no valor de 1 milhão de euros (R$ 5,54 milhões), é atribuído anualmente, tendo enaltecido os feitos de Greta Thunberg, na primeira edição em 2020, e sido atribuído ao Global Covenant of Mayors em 2021. CNN

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e