HUMOR: Eu não sou galinha!

Algumas mulheres vivem me dizendo que eu sou galinha. Juro que sou um santinho e escolho minhas mulheres a dedo. Cuidado no que vocês mulheres maliciosas irão pensar. Mas se pensar, melhor ainda. Afinal gosto de ajudar. Dar um empurrãozinho pra ir mais além…

Sou tão santo que até tenho asinhas nas costas. Desde o momento que passei a beber Red Bull. Não tenho culpa que vivo dando asas as imaginações… Até porque faz parte do meu oficio, sou publicitário.

Embora exista uma diferença de galinha e prostituto. Mas não quero ser nunca super-homem. Contudo, de um tempo para cá estou ficando bolado com esse papo de mulheres me chamarem de galinha. Agora nem consigo mais dormi direito. Vivo acordando de madruga e olhando na minha cama se eu pus algum ovo.

Dias desses, em sono profundo e sonhando… Acordei assustado… O quarto estava escuro, e passando a mão em mim, dei um grito:

– ‘Meus Deus! Virei galinha, acabei de botar um ovo’.

Acendi o abajur desesperado e percebi aliviado que era os meus dois próprios desde quando nasci…

Pow mulheres! Parem de me chamar de galinha. E me deixa dormi em paz e continuar no sonho onde estava num harém…

Por

* Publicitário. Um dos emancipadores de Mesquita. Tenho alguns ditados: - 'A Cultura eleva a alto estima de uma comunidade, engrandece e deixa nobre sua população'. - 'O político é corrupto, porque quem o elegeu foi sua imagem e semelhança: seu eleitor'.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e