Estudo indica que SARS-CoV-2 é “particularmente atraído” por tipo sanguíneo A

O SARS-CoV-2, que provoca a Covid-19, se sente “particularmente atraído” pelo antígeno do tipo sanguíneo A que se encontra nas células respiratórias, conforme indica estudo publicado nesta quinta-feira na revista “Blood Advances”.

Embora seja necessário, segundo os autores, seguir investigando para compreender a influência que o tipo de sangue tem na infecção pelo patógeno, o artigo se junta a conclusões de artigos anteriores, que apontavam para uma possível relação entre o grupo sanguíneo e a suscetibilidade e a gravidade da Covid-19. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e