Estreia mundial de ‘Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald’

O segundo filme da nova franquia cinematográfica inspirado no universo fantástico da autora britânica J.K. Rowling, ‘Animais Fantásticos, chegou esse mês nos cinemas de todo o mundo.

‘Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald’ estreou nos cinemas do Brasil no dia 15 de novembro, em cópias legendadas e dubladas em português, e o filme também está disponível em versão 2D e 3D, inclusive para salas IMAX.

Repetindo a parceria do filme anterior, com David Yates na direção e a autora J. K. Rowling escrevendo o roteiro, ‘Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald’ é uma aventura fantástica ambientada no mesmo universo ficcional de Harry Potter.

A história se passa na França em sua maior parte da narrativa, mas seguindo a linha do filme anterior, com algumas partes na Inglaterra.

Iniciando em New York para criar um link com o filme ‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’ (2016), ao mostrar a transferência de Gellert Grindelwald (Johnny Depp), em custódia na Macusa (Congresso Mágico dos Estados Unidos), a produção mantém o foco no bruxo Newt Scamander (Eddie Redmayne) e seus encontros com animais fantásticos.

Newt se encontra impossibilitado de deixar a Inglaterra e após tentar resolver sua situação no Ministério da Magia em Londres, sem sucesso, encontra seu antigo professor de Hogwarts, Alvo Dumbledore (Jude Law), o qual não deixou a escola de magia e bruxaria à toa. Ele pede ajuda para Newt em relação a um assunto, que levaria seu antigo aluno até Paris.

Com um trama tanto visual como em relação ao roteiro, mais sombria que o fime anterior, ‘Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald’ tem doses de ação, pontuado com momentos dramáticos e cômicos. Repleto de referências conhecidas das histórias de Harry Potter, o roteiro ajuda a envolver o público e enchem o coração do fã de saudosismo.

Os efeitos digitais são bem feitos e a fotografia trabalhada para se fundir perfeitamente, dando mais realismo a nova história fantástica de J.K. Rowling. Que conta com uma trilha sonora para ajudar ainda mais na imersão no mágico universo.

Por

Ex-repórter redatora da editoria de Cultura do webjornal O Estado RJ, atualmente colunista (Curtindo Adoidado).

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e