Esquema militar é relatado por Deputados venezuelanos na fronteira com o Brasil

Nas redes sociais, os deputados da Assembleia Nacional Constituinte da Venezuela relatam um forte esquema militar, organizado pelo presidente venezuelano, Nicolás Maduro, na fronteira com o Brasil. No Twitter, um parlamentar promete enfrentar o bloqueio com “coragem e moral”.

Maduro anunciou ontem (21) o fechamento da área para impedir a entrada de ajuda humanitária, organizada pelos Estados Unidos e Brasil com colaboração de vários países e entidades internacionais.

Em um vídeo, postado na sua conta pessoal no Twitter, o deputado Americo De Grazia relata clima de tensão na fronteira e diz que três generais foram enviados para a região.

Como o vídeo foi postado de madrugada, ele anunciou reação para hoje (22) ao longo do dia. “Abriremos a fronteira com coragem e moral”, afirmou.

Deputados venezuelanos, que integram a caravana que segue para a fronteira da Venezuela com a Colômbia, denunciam nas redes sociais que os ônibus, nos quais estão, foram alvos de ataques durante a madrugada de hoje. Imagens mostram vidros quebrados e estilhaços.

A Assembleia Nacional Constituinte é formada majoritariamente por parlamentares oposicionistas ao presidente Nicolás Maduro.

Em seus discursos, ele diz o parlamento é ilegítimo. Porém, todos os parlamentares foram eleitos.

Por

Webjornal O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e