Engenheiro de 28 anos será o segundo brasileiro a voar para o espaço

O voo será o quinto tripulado do New Shepard, foguete da Blue Origin, e contará com mais cinco tripulantes além de Victor

O engenheiro de produção mineiro Victor Correa Hespanha se tornará o 2º brasileiro a viajar para o espaço após ser sorteado para participar da missão NS-21, da Blue Origin, empresa de exploração espacial do bilionário Jeff Bezos. O anúncio foi feito nesta terça-feira (10) pela companhia.

Com isso, o engenheiro sucederá o ex-ministro Marcos Pontes, do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovações, que esteve na Espação Espacial Internacional em 2006.

Hespanha foi sorteado após investir no Gen-1, ativo da Crypto Space Agency, empresa que desenvolveu produtos para empresas como SpaceX, NASA, Reaction Engines, Virgin Hyperloop One e Qualcomm — todas no ramo da tecnologia espacial.

Em nota, o engenheiro afirmou que esta foi a primeira vez que ele investiu em criptomoedas e em NFTs.

“Comprei pensando no potencial de valorização, nunca imaginei que seria sorteado. Estou realizando um sonho de criança por meio de um NFT, a ficha ainda está caindo”, declarou.

A Crypto Space Agency afirmou que “disponibilizou 5.555 Gen-1 no mercado e prevê mais voos espaciais”.

O voo será o quinto tripulado do New Shepard, foguete da Blue Origin, e contará com mais cinco tripulantes além de Victor: o americano Evan Dick, que já integrou missão da New Shepard em dezembro de 2021; Katya Echazarreta, que se tornará a primeira mulher mexicana a ir para o espaço; Hamish Harding, empresário e piloto de aviões comerciais; e Jaison Robinson e Victor Vescovo, dois investidores.

A data da nova viagem ao espaço ainda não foi anunciada pela Blue Origin. CNN

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e