Criadores de gado argentinos estendem paralisação de comercialização

As quatro maiores patronais agropecuárias da Argentina decidiram nesta sexta-feira prorrogar a paralisação da comercialização de gado, como ação de protesto contra a decisão do governo de Alberto Fernández de suspender temporariamente as exportações de carne bovina.

As entidades rurais, integradas no chamado Comitê de Enlace, tinham decidido não enviar gado vivo para os mercados de leilões onde os matadouros fazem suas compras desde quinta-feira passada e até a meia-noite de hoje, mas decidiram prolongar a medida até quarta-feira da próxima semana. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e