Cláudio Castro também precisa se explicar, diz relator do impeachment de Witzel

O grupo político de Witzel deve ser “expurgado” do Rio de Janeiro e que Castro deve se livrar de alguns funcionários citados nos casos de corrupção, com cargos no executivo estadual, disse ele

Com o processo de impeachment do governador afastado Wilson Witzel (PSC) seguindo com agilidade na Assembleia Legislativa do estado do Rio de Janeiro (ALERJ), as atenções do estado se voltam para o governado em exercício, Cláudio Castro.

Em uma entrevista à CNN nesta quarta-feira (23), o deputado estadual Renan Ferreirinha (PSB), relator do pedido de impeachment de Witzel, disse que Castro também tem que prestar esclarecimentos por ter sido citado como envolvido no esquema de desvio de dinheiro público.

“Há acusações fortes contra o vice-governador, com vídeos dele recebendo propina de empresas com contrato com o governo estadual. Ele precisa prestar esclarecimento para a sociedade do Rio de Janeiro se quiser fazer um governo diferente de seu antecessor.”

Ferreirinha disse que o grupo político de Witzel deve ser “expurgado” do Rio de Janeiro e que Castro deve se livrar de alguns funcionários citados nos casos de corrupção, que ainda tem cargos no executivo estadual.

“Há outras pessoas do grupo político de Witzel no governo, que precisam sair. Ou Cláudio Castro rompe com isso, ou terá futuro instável. O vice-governador precisa seguir um caminho que ofereça respostas claras para a sociedade.”

CNN

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e