Cientistas inserem gene do cérebro humano em macacos em pesquisa polêmica

Como já era de se esperar, essas pesquisas desencadearam uma avalanche de debates sobre os limites da ética nas experiências genéticas

Segundo informa a publicação científica “The Journal National Science Review”, um time de cientistas na China inseriu um gene responsável pelo desenvolvimento do cérebro humano no genoma de macacos.

A técnica consistiu na introdução do gene MCPH1 em 11 macacos-rhesus (Macaca mulatta), que agora estão sendo testados em experiências que envolvem tarefas cognitivas que podem esclarecer em detalhes os ganhos no desenvolvimento cerebral nos animais.

Em um dos testes, os macacos deveriam se lembrar das cores e formatos de um estímulo que era exibido em uma tela. “Notavelmente, nossos estudos cognitivos preliminares detectaram uma melhora na memoria de curto prazo nos macacos transgênicos”, escreveram os cientistas.

A pesquisa foi conduzida pela Acadêmia Chinesa de Ciências, pelo instituto de zoologia Kunming e por cientistas norte-americanos da Universidade da Carolina do Norte.

Como já era de se esperar, essas pesquisas desencadearam uma avalanche de debates sobre os limites da ética nas experiências genéticas, embora os pesquisadores envolvidos no estudo tenham garantido que tudo foi feito de forma muito responsável e cientificamente segura.

Fonte: curtoecurioso

Por

Webjornal O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e