Chefe de epidemiologia da Bolivia renuncia em início de campanha de vacinação

A chefe da epidemiologia do governo da Bolívia, Maria Bolivia Rothe, renunciou ao cargo nesta terça-feira em pleno início da campanha de vacinação no país e em meio a denúncias de escassez de doses de vacinas contra a covid-19, algo que o governo do presidente Luis Arce negou.

Rothe confirmou a renúncia através de sua conta no Twitter, na qual enfatizou que sua saída se deve a “razões estritamente pessoais” e não por “discordâncias” com o ministro da Saúde, Jeyson Auza, ou com representantes da pasta. EFE

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e