Chanceler da Ucrânia diz que Rússia impôs rendição para negociar cessar-fogo

O ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba afirmou nesta quinta-feira ter sido informado que a Rússia manterá os ataques até que suas demandas sejam aceitas, o que representa rendição, algo que Kiev não pretende aceitar.

O chanceler ucraniano se reuniu na cidade de Antalya, na Turquia, com o chefe da diplomacia russo, Sergey Lavrov, que informou a posição de Moscou. Efe

Por

contato@oestadorj.com.br

Webjornal Oerj - O Estado RJ > No ar desde 28/05/2007 > Promovemos o Projeto Futuro Jornalista.

Comentários estão fechados.

http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e