Mundo

Otimismo e Pessimismo na Política Ambiental Brasileira

Em 2004, o governo brasileiro lançou o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal (PPCDAm). Com mais de 27 mil desmatamentos por km²/ano registrados naquele ano, em 2012 os números chegaram a cerca de quatro mil e quinhentos. Uma diminuição de quase 80%. Mas no ano seguinte, o desmatamento voltou a crescer e já ameaça as contribuições da Noruega e da Alemanha para o Fundo da Amazônia. O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, atribui o problema aos cortes no orçamento do governo anterior. Para Muriel Saragoussi, ex-Secretária de Coordenação de Políticas para a Amazônia no Ministério do Meio Ambiente, e Coordenadora de Formação Política da Rede Sustentabilidade, as políticas que estão sendo adotadas pelo governo diante do aumento do desmatamento inspiram pessimismo. Segundo Muriel, o governo tenta estabelecer o licenciamento de grandes empreendimentos sem análise ambiental apropriada; o novo código florestal anistia crimes cometidos em legislações antigas e ainda menos de 1% das multas...
Leia mais

Mais de 80% dos brasileiros acham que pessoas comuns podem combater a corrupção

Uma pesquisa feita pela Transparência Internacional mostrou que 83% dos brasileiros acreditam que pessoas comuns podem fazer a diferença na luta contra a corrupção. Esta é a maior taxa observada na América Latina, seguida por Costa Rica e Paraguai, ambas com 82%, segundo o Barômetro Global de Corrupção. Foram entrevistadas 22.302 pessoas residentes em 20 países da América Latina e do Caribe, entre maio e dezembro de 2016. No Brasil, os dados foram coletados em maio e junho de 2016. Segundo o relatório divulgado hoje (9), 11% dos brasileiros disseram ter pagado propina nos 12 meses anteriores à pesquisa para acessar serviços básicos (escola pública, hospital, confecção de documento de identidade, polícia, tribunais e serviços de saneamento), uma das menores taxas da América Latina, à frente apenas de Trinidad e Tobago (6%). "Esse número é bem menor do que no México, que é 50%, ou no Peru, que é quase 40%. Isso também vai na contramão de um certo discurso...
Leia mais

Argentina, Paraguai e Uruguai lançam candidatura à Copa do Mundo de 2030

Os presidentes da Argentina, Mauricio Macri, do Paraguai, Horacio Cartes, e do Uruguai, Tabaré Vázquez, se reuniram nesta quarta-feira (4) em Buenos Aires com o presidente da Fifa, Gianni Infantino, para apresentar uma candidatura conjunta dos três países para sediar a Copa do Mundo de 2030. "Queríamos confirmar ao presidente Infantino nossa vocação. Se nos derem a oportunidade, seremos grandes anfitriões e organizaremos um grande Mundial. Se há algo que sobra nessa região do mundo é a paixão do torcedor pelo futebol", disse Macri em entrevista coletiva, ao lado de Vázquez e Cartes. "Estamos falando de um Mundial de 48 equipes e esperamos repartir a tarefa [de sediar a Copa]. Estamos pensando, em princípio, em dois ou três estádios no Uruguai e no Paraguai, e de seis a oito na Argentina. Essa seria mais ou menos a distribuição", revelou Macri. Macri também afirmou que a ideia surgiu do presidente do Uruguai, Vázquez. Quando ele comentou com o colega argentino sobre a...
Leia mais

EUA e Rússia assinam acordo para criar estação habitada na órbita lunar

A Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço dos EUA, Nasa, e sua congênere russa, a Roscosmos, assinaram uma declaração conjunta sobre a construção de uma "porta de entrada para o espaço profundo" em órbita lunar. A parceria visa a cooperação para a construção de uma estação espacial tripulada em órbita da lua. No acordo, assinado esta semana  na cidade australiana de Adelaide, durante o 68º Congresso Internacional de Astronáutica, a Nasa e a Roscosmos disseram em declaração conjunta que a ideia é promover “uma visão comum para a exploração humana compartilhada” entre os EUA e a Rússia. O conceito de "porta de entrada para o espaço profundo", ainda em formulação, foi proposto pela primeira vez pela Nasa em março, que o concebeu como um porto espacial tripulado em órbita lunar para "servir como uma porta de entrada para o espaço profundo e a superfície lunar." De acordo com a Nasa, o porto espacial terá um centro de energia, um pequeno habitat...
Leia mais

A China tem arsenal militar afiado

A China também foi a criadora da pólvora, do papel, dos fogos de artifícios, do papel-moeda e muitas outras invenções presentes até hoje na sociedade. No campo militar, o país tem "A Arte da Guerra", o mais conhecido livro de estratégias de guerra, que foi escrito pelo chinês Sus Tzu. Mas a China também teve vários outros grandes generais notáveis pela sua criatividade. Dois deles foram Sima Yi e Chuko Ling, que foram se enfrentaram várias vezes no período da "Guerra dos Três Reinos" (207-265 d.C.). Mas será que a China continua militarmente tão criativa quanto no passado? Para David Graff, professor de História e diretor do "East Asian Studies program" na Universidade do Estado de Kansas, a resposta é não. Segundo ele, em torno de 15 a 20 anos atrás, havia um grande debate no militarismo chinês, que deveria conter os EUA usando meios assimétricos (como estratagemas criativos ou armas surpresa) ou simétricos (imitando a estrutura militar americana e...
Leia mais

Português já é uma língua global e vem crescendo, afirma chanceler luso na ONU

O ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal, Augusto Santos Silva, acredita que em pouco tempo a língua portuguesa será um idioma oficial das Nações Unidas e defendeu que o português já é uma língua global. Ele fez a declaração durante uma entrevista exclusiva à ONU News, em Nova York, à margem dos debates da Assembleia Geral da ONU. Segundo o chanceler luso, "o português é a língua mais falada no Hemisfério Sul e está entre as cinco mais faladas no mundo", tendo atualmente cerca de 260 milhões de pessoas que têm o idioma como língua materna. Ele afirmou que a língua portuguesa deve crescer ainda mais nas próximas décadas por razões demográficas, e que essa subida ocorrerá principalmente no continente africano. "De acordo com as projeções da ONU, por meados deste século, os falantes de português chegará perto de 400 milhões. E pelo fim do século, teremos quase 500 milhões de pessoas em todo o mundo falando português como idioma...
Leia mais

Mais de 40 milhões de pessoas no mundo foram vítimas da escravidão moderna em 2016

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) divulgou uma pesquisa, desenvolvida com a Fundação Walk Free, em parceria com a Organização Internacional para as Migrações (OIM), que mostra que mais de 40 milhões de pessoas em todo o mundo foram vítimas da escravidão moderna em 2016. Destas, cerca de 25 milhões estavam em trabalho forçado e 15 milhões em casamentos forçados. A organização alerta que, se não houver maior esforço por parte dos governos em todo o mundo, o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável que visa a erradicação da escravidão até 2025 não será alcançado. As estimativas mostram que as mulheres e meninas são as mais afetadas pela escravidão moderna, representando quase 29 milhões (71% do total). As mulheres representam 99% das vítimas do trabalho forçado na indústria do sexo e 84% das vítimas de casamentos forçados. Casamentos forçados De acordo com o relatório Global estimates of modern slavery (Estimativas globais da escravidão moderna, em tradução livre), o casamento forçado refere-se a situações em que pessoas,...
Leia mais

Supermercado no Reino Unido permite que clientes paguem com impressão digital

O Reino Unido se tornou o primeiro país do mundo a ter um supermercado onde é permitido que os clientes paguem as compras através da impressão digital. A invenção, denominada "Fingopay", funciona através de um sistema infravermelho que escaneia as veias dos dedos e vincula o mapa biométrico às contas bancárias de cada cliente. Os dados bancários são guardados no fornecedor de pagamentos "Worldpay", da mesma maneira que armazena dados quando são comprados produtos pela internet. Os clientes da loja Costcutter, no campus da Universidade Brunel, de Londres, foram os primeiros a testar a inovação de pagar através de impressões digitais. O sistema simplifica as compras, já que os consumidores poderão ir ao supermercado sem dinheiro ou cartões e pagar simplesmente utilizando os dedos. A empresa por trás desta invenção, Sthaler, com sede em Londres, informou aos meios de comunicação que já está trabalhando com outros supermercados do Reino Unido para usar a tecnologia. Segundo a companhia, este sistema de pagamento...
Leia mais

Levantamento mostra que há 917 grupos radicais em ação nos Estados Unidos

Atualmente existem quase mil grupos extremistas em atividade nos Estados Unidos, informa a Southern Poverty Law Center, organização não governamental (ONG) que monitora movimentos radicais, divididos em categorias como de supremacia branca, de ódio, neonazistas, neoconfederados, skinheads (cabeças rapadas), separatistas negros, antimuçulmanos e milícias antigovernamentais, além de adeptos da Identidade Cristã. São 917 grupos radicais regionais ou nacionais, conforme levantamento da SPLC. Além de moniftorar a atuação de tais grupos, a SPLC denuncia e combate a ação deles. Segundo a ONG, após a eleição de Donald Trump para a Presidência dos Estados Unidos, a ação de grupos com perfil radical racista ou supremacista cresceu 17%. Com base nos relatórios da SPLC, segue os grupos e tendências mais atuantes hoje nos Estados Unidos: Ku Klux Klan Grupo supremacista branca mais antigo do país, reconhecido mundialmente. Ao longo da história, a atuação da Ku Klux Khan divide-se em três fases. A primeira formação foi  em 1866 – o grupo foi originalmente criada no Sul do país para se...
Leia mais

Irã diz ter artefato com 10 toneladas, chamado de “pai de todas as bombas”

O Irã tem uma bomba de dez toneladas que é considerada "o pai de todas as bombas", segundo o comandante da divisão aeroespacial dos Guardiões da Revolução Iraniana, Amir Ali Hajizadeh. Hayizadeh, em declarações para a emissora estatal PressTV, detalhou que “a nossa indústria defensiva produziu bombas que pesam aproximadamente 10 toneladas e, se lançadas de aviões Ilyushin, têm uma alta capacidade destrutiva”. Ele chamou o armamento de “pai de todas as bombas” e comparou-o com a bomba norte-americana GBU-43/B Massive Ordnance Air Blast, conhecida como “mãe de todas as bombas”. Esta foi lançada pelos Estados Unidos, em abril deste ano, sobre o Afeganistão. Nas declarações, o alto comandante iraniano disse que o Corpo dos Guardiões da Revolução havia se infiltrado nos centros de Controle de Comando dos EUA. Hayizadeh, contudo, não forneceu nenhum detalhe que confirmasse essa infiltração. “Nós, nestes anos, penetramos e estivemos presentes nos centros de Controle de Comando dos americanos e vimos tudo que fizeram, vimos o que...
Leia mais