Últimas e Geral

Após centrão reclamar, Planalto promete dividir R$ 13,8 bi por critério político

O Palácio do Planalto prometeu, a lideranças do centrão, que a distribuição de R$ 13,8 bilhões liberados por portaria do Ministério da Saúde para municípios gastarem no combate à Covid-19 seguirá critérios políticos, como queriam os parlamentares. A portaria foi publicada pela pasta em 1º de julho e provocou uma onda de reclamações de deputados e senadores do centrão, que apontaram dificuldades em “apadrinhar” o envio do dinheiro para suas bases eleitorais, como o Planalto havia prometido no início de maio. Parlamentares ressaltaram que a portaria não deixava claro quem fez a indicação, o que permitia que mais de um parlamentar fosse apontado como padrinho daquele recurso. Também houve reclamação dos próprios prefeitos em relação aos valores. Nos últimos dias, integrantes da Secretaria de Governo procuraram líderes e parlamentares do centrão para avisá-los que a reclamação será resolvida na fase de empenho e pagamento dos recursos prometidos às prefeituras, quando prevalecerão as indicações políticas. Isso significa que, embora a portaria preveja montantes...
Leia mais

Prefeito e vice de Itaguaí são cassados pela Câmara de Vereadores

O prefeito de Itaguaí (RJ), Carlo Busatto Júnior, Charlinho, e o vice Abeilard Goulart, Abelardinho, tiveram seus mandatos cassados em decisão da Câmara Municipal, na madrugada de hoje (10). Eles sofreram impeachment, por 16 votos a favor e um contrário, por crimes de responsabilidade. O único voto a favor foi do líder do governo na Câmara, Sandro da Hermínio (PP). A sessão da câmara começou às 18h de ontem e aprovou o relatório da Comissão Especial Processante (CEP), que concluiu que os dois gestores cometeram esses crimes. A maioria dos vereadores considerou que Charlinho cometeu ilegalidade em procedimento licitatório em contratação de empresa de lixo e danos ao erário público. Já Abelardinho foi cassado por ter, segundo o relatório da CEP, favorecido terceiros. Com a cassação, os dois tornaram-se inelegíveis por oito anos. Eles já tinham sido cassados em sessão em março deste ano, mas continuaram no cargo devido a uma liminar obtida no Supremo Tribunal Federal (STF). A prefeitura de Itaguaí será assumida pelo presidente da Câmara, Rubem...
Leia mais

MP prende ex-secretário de Saúde do Rio Edmar Santos

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) prendeu hoje (10) o ex-secretário estadual de Saúde fluminense Edmar Santos. Ele é suspeito de integrar uma organização criminosa que fraudou contratos de compra de respiradores pulmonares, que são usados em pacientes com covid-19. De acordo com o MP, ele foi preso em sua casa, em Botafogo, na zona sul da cidade. Também estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão em outra casa do ex-secretário, em Itaipava, na região serrana do Rio de Janeiro. A ação de hoje é um desdobramento da Operação Mercadores do Caos, sobre fraudes em contratos da Secretaria Estadual de Saúde, que já tinha resultado na prisão do ex-subsecretário executivo Gabriell Neves, no início de maio deste ano. Dias depois da prisão de Neves, ainda em maio, Edmar Santos foi exonerado do cargo de secretário estadual de Saúde. De acordo com o MPRJ, também foi obtido junto à Justiça o arresto de R$ 36,9 milhões em bens...
Leia mais

Nascidos em maio podem sacar primeira parcela de auxílio emergencial

Cerca de 400 mil beneficiários do auxílio emergencial, contemplados no terceiro lote do benefício, podem sacar hoje (10) os recursos da primeira parcela. O saque está liberado para os nascidos em maio. O auxílio, com parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), foi criado para reduzir os efeitos da crise econômica causada pela pandemia de covid-19. A liberação do saque e a transferência da poupança social da Caixa para outros bancos estão sendo feitas de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Os recursos são transferidos automaticamente para as contas indicadas. O calendário de saque segue o seguinte cronograma: segunda-feira (6) foi a vez dos nascidos em janeiro; terça-feira (7), nascidos em fevereiro, quarta-feira (8), nascidos em março; na quinta-feira (9), nascidos em abril; na sexta-feira (10), nascidos em maio; no sábado (11), nascidos em junho; na segunda (13), nascidos em julho; na terça-feira (14), nascidos em agosto; na quarta-feira (15), nascidos em setembro; na quinta-feira (16), nascidos em outubro; na sexta-feira (17), nascidos em novembro; e no sábado (18), nascidos em dezembro....
Leia mais

Ex-subsecretária do Rio aponta irregularidades na Saúde, em depoimento

A ex subsecretária de gestão da Atenção à Saúde, da Secretaria de Estado de Saúde (SES) do Rio de Janeiro Mariana Scardua disse que o Plano de Ação para o Enfrentamento da Covid-19 não foi cumprido integralmente após a saída dela do cargo. A médica foi ouvida hoje (9) em audiência pública das Comissões de Saúde e Especial de Fiscalização dos Gastos na Saúde Pública Durante o Combate do Coronavírus da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Segundo Mariana Scardua, atendendo um pedido do Ministério da Saúde, o planejamento começou a ser feito pela sua equipe técnica e definia etapas para avançar nas ações conforme aumentasse o nível de contaminação da população pelo novo coronavírus no estado.  De início, deveriam ser ativados todos os leitos possíveis na rede de saúde já existente e fazer ampliações das unidades que fossem necessárias. Depois, se houvesse avanço da contaminação, deveriam ser contratados leitos na rede privada. A construção de hospitais...
Leia mais

Moro questiona empenho de Bolsonaro em lutar contra corrupção

O ex-ministro da Justiça e ex-juiz federal Sergio Moro colocou em dúvida se "estão garantidas as autonomias dos órgãos de controle" para o combate à corrupção no governo Jair Bolsonaro, criticou o presidente por "omissão" no combate à pandemia do novo coronavírus e evitou revelar se pretende se lançar candidato nas eleições de 2022. Em entrevista por videoconferência à Agência Efe, Moro também lamentou uma "polarização política nociva" no Brasil, mas ressaltou que não acredita que o país esteja perto de uma ruptura institucional. ...
Leia mais

Itália proíbe entrada de pessoas vindas do Brasil e outros 12 países

O ministro da Saúde da Itália, Roberto Speranza, assinou nesta quinta-feira uma lei proibindo a entrada em seu território de pessoas vindas de 13 países, incluindo o Brasil, que estão "em risco devido à pandemia do novo coronavírus". Além do Brasil, a lista inclui outros quatro países da América Latina: Chile, Panamá, Peru e República Dominicana. ...
Leia mais

Dólar se afasta de mínimas e fecha quase estável por temores sobre pandemia

O dólar fechou perto da estabilidade ante o real nesta quinta-feira, depois de chegar a cair 1,8% e ao fim de outra sessão de muita instabilidade por causa de renovados temores de que potenciais novos bloqueios por causa do Covid-19 possam prejudicar a ainda inicial recuperação econômica. O dólar à vista teve variação negativa de 0,07%, a 5,3436 reais na venda. Na B3, o dólar futuro rondava estabilidade, a 5,3450 reais, às 17h01. No exterior, o índice do dólar contra uma cesta de moedas de países desenvolvidos abandonou queda de mais cedo e subia 0,31% no fim da tarde. ...
Leia mais

Líder de milícia pagou R$ 6 mil a PMs para livrar criminoso de ser preso

Apontado como líder da milícia alvo da “Operação Porto Firme”, deflagrada pela Polícia Civil e Ministério Público do Rio nesta quinta-feira (09), o capitão da PM Leonardo Magalhães Gomes da Silva é acusado por pagar propina a policiais militares para livrar um criminoso de ser preso. De acordo com as investigações, “Capitão” seria o líder de um grupo de milicianos que atua que atua na região de Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio, e entregou R$ 6 mil a policiais durante uma abordagem a um dos criminosos que compõem o grupo.  Ele é alvo de mandado de prisão e é, no momento, considerado foragido. De acordo com o Ministério Público, existem nas investigações provas de que PMs sabiam dos crimes cometidos pela milícia. Mas, ao invés de agirem como policiais e reprimirem as ações criminosas, os PMs iam conversar com os integrantes do grupo. Isso, para o MP, leva à conclusão de que existe um grupo de policiais pagos...
Leia mais

Presidente do STJ concede prisão domiciliar a Queiroz e mulher

O presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça), ministro João Otávio de Noronha, concedeu prisão domiciliar nesta quinta-feira (9) a Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), e sua mulher, Márcia Oliveira de Aguiar. Queiroz cumpre prisão preventiva no complexo penitenciário de Bangu, no Rio, desde o dia 18 de junho por ordem da Justiça fluminense. Márcia também teve a prisão decretada na mesma decisão, e é considerada foragida da Justiça. Queiroz terá que usar tornozeleira eletrônica e não poderá ter contato com outras pessoas citadas na investigação sobre o suposto esquema de "rachadinha" que ele comandaria no gabinete de Flávio Bolsonaro quando este era deputado estadual na Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro). Dias depois da prisão de Queiroz, ainda em junho, os analistas da CNN Caio Junqueira e Thais Arbex noticiaram que aliados do senador Flávio Bolsonaro apostavam no STJ como o local para barrar as investigações contra ele e para soltar Queiroz, devido à boa relação do presidente...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e