Inovações

Cientista prevê transplante de cabeça em dois anos

O primeiro transplante de cabeça da história poderia ocorrer em dois anos, segundo uma reportagem publicada nesta semana pela revista NewScientist. É a possibilidade que estuda uma equipe liderada pelo cirurgião italiano Sergio Canavero, do Grupo de Neuromodulação Avançada de Turim. O grupo deve apresentar a proposta durante uma conferência médica nos Estados Unidos neste ano. A técnica consistiria em implantar a cabeça de um paciente de doença grave no corpo de um doador que tenha tido morte cerebral. Em entrevista à NewScientist, Canavero disse que a cirurgia poderia prolongar a vida de pessoas que sofrem de degeneração dos músculos e nervos ou que tenham câncer. Ele disse, porém, estar ciente de que a proposta gera muita polêmica e que entraves éticos podem ser uma grande barreira. Canavero prevê ainda que sua equipe enfrenta dificuldades para conseguir autorização para desenvolver a técnica nos Estados Unidos. "Se a sociedade não quiser isso, eu não vou fazer. Mas se as pessoas não quiserem nos Estados...
Leia mais

Conheça a pomada que promete remover tatuagens sem causar dor

Todo mundo sabe que tatuagem não é brincadeira, mas ainda tem gente que insiste em tatuar nome do namorado(a) ou péssimos desenhos no corpo. E quando o arrependimento bate, laser parece ser a única e dolorosa solução. Alec Falkenham é um pesquisador da Dalhousie University , em Halifax, no Canadá, e recentemente finalizou o desenvolvimento de uma pomada capaz de remover tatuagens sem provocar dor. “Ao comparar isso [a pomada] com as remoções de tatuagem a laser, nas quais você pode ver as queimaduras, as cicatrizes e as bolhas, nós desenvolvemos uma droga que não faz efeito fora do alvo“, explicou Falkenham. Isso acontece porque a pomada atua apenas nas células que carregam a tinta que foi injetada. Quando a tatuagem é feita, o corpo responde a presença da tinta injetada com a produção de células macrófagas, que “comem” a tinta. Contudo, muitas dessas células são preenchidas com a tinta, formando o desenho da tattoo na pele. A pomada inventada...
Leia mais

Testes com nova vacina indicam proteção total contra vírus HIV

Macacos totalmente protegidos contra o vírus do HIV. Esse foi o resultado de um teste de uma nova vacina contra o HIV, que deixou a comunidade científica animada. A abordagem da vacina, cujo estudo acaba de ser publicado na revista Nature, é bastante radical. Normalmente, as vacinas treinam o sistema imunológico para combater infecções. Mas nessa nova vacina os pesquisadores do instituto de pesquisa Scripps, com sede na Califórnia, alteraram o DNA dos macacos para dar às células deles propriedade para combater o HIV. A equipe diz que a descoberta é “incrível” e que vai começar os testes em humanos em breve. Consultados pela BBC, cientistas independentes – não ligados ao instituto – também se entusiasmaram com os resultados do teste. DNA A técnica usa terapia genética para introduzir uma nova seção de DNA dentro das células musculares saudáveis. Nessa parte de DNA há tipos de "instruções" para a criação de ferramentas para neutralizar o HIV, que então é bombardeado para fora da corrente...
Leia mais

Doença de Alzheimer revertida pela primeira vez

A doença de Alzheimer foi revertida pela primeira vez. Uma equipa de investigadores canadianos, da Universidade de Toronto, liderada por Andres Lozano, usou uma técnica de estimulação cerebral profunda, diretamente no cérebro de seis pacientes, conseguindo travar a doença há agora já mais de um ano. Em dois destes pacientes, a deterioração da área do cérebro associada à memória não só parou de encolher como voltou a crescer. Nos outros quatro, o processo de deterioração parou por completo. Nos portadores de Alzheimer, a região do hipocampo é uma das primeiras a encolher. O centro de memória funciona nessa área cerebral, convertendo as memórias de curto prazo em memórias de longo prazo. Sendo assim, a degradação do hipocampo revela alguns dos primeiros sintomas da doença, como a perda de memória e a desorientação. Imagens cerebrais revelam que o lobo temporal, onde está o hipocampo e o cingulado posterior, usam menos glicose do que o normal, sugerindo que estão desligadas e ambas têm...
Leia mais

Peixe recém-descoberto em gruta de Goiás já está ameaçado de extinção

Pesquisadores brasileiros descobriram na Gruta da Tarimba, em Mambaí, Goiás, uma nova espécie de peixe troglóbio, que vive exclusivamente em ambientes subterrâneos, como cavernas. Batizado com o nome de Ituglanis boticario, ele já é um peixe ameaçado de extinção, “porque é frágil, tem populações pequenas, é endêmico de um sistema de cavernas e tem uma série de características que já o tornam ameaçado”, disse hoje uma das coordenadoras da pesquisa, a professora Maria Elina Bichuette, da Universidade Federal de São Carlos, em São Paulo. A descoberta foi descrita em artigo publicado na revista da Sociedade Brasileira de Zoologia. Segundo a professora, a pecuária é séria ameaça à existência dessa espécie de peixe, pois o entorno das cavernas de Mambaí é todo ocupado pela expansão agrícola, em especial a pecuária, que é bem forte naquela região de Goiás. A descoberta coloca o Brasil em segundo lugar no ranking global de peixes subterrâneos, atrás apenas da China, que catalogou 40 espécies de...
Leia mais

Raça humana pode correr riscos de extinção

Uma equipe internacional de cientistas, matemáticos e filósofos do Instituto do Futuro da Humanidade, da Universidade de Oxford, está investigando quais são os maiores perigos contra a humanidade. Em um texto acadêmico recém-divulgado, Riscos Existenciais como Prioridade Global, eles argumentam que autores de políticas públicas devem atentar para os riscos que podem contribuir para o fim da espécie humana. O diretor do instituto, o sueco Nick Bostrom, afirma que existe uma possibilidade plausível de que este venha a ser o último século da humanidade. No entanto, no ano passado houve mais textos acadêmicos lançados a respeito de snowboarding do que sobre a extinção dos homens. Boas notícias primeiro Mas primeiro as boas notícias. Pandemias e desastres naturais podem causar uma perda de vida colossal e catastrófica, mas Bostrom acredita que a humanidade estaria propensa a sobreviver. Isso porque nossa espécie já sobrevieu a milhares de anos de doenças, fome, enchentes, predadores, perseguições, terremotos e mudanças ambientais. Por isso, as chances ainda estão a nosso...
Leia mais

Coração impresso em 3D ‘salva’ menina de 2 anos com problema cardíaco

Quando Mina nasceu, os médicos disseram que ela tinha apenas 50% de chance de sobreviver. A garota britânica, hoje com dois anos, foi diagnosticada com uma doença grave no coração ainda antes de vir ao mundo e, após seu nascimento, sofria com o cansaço excessivo – resultado de um coração que não funcionava 100%. Mina tinha um buraco entre duas cavidades de seu coração e precisava passar por uma operação para corrigir o problema. A cirurgia, no entanto, era bastante delicada e o uso de um coração impresso em 3D (foto destaque) foi fundamental para o seu sucesso. Com fotos reais do órgão de Mina, o médico Tariq Hussain conseguiu reproduzir um coração artificial muito parecido usando softwares modernos no computador. "Médicos de Manchester fizeram um trabalho excelente e conseguiram tirar fotos do coração de Mina. Eu segmentei o material e o deixei nesse formato especial usando um software especial que nos permitia imprimir o novo 'coração'. E aí eu poderia...
Leia mais

Petrobras anuncia produção de biodiesel a partir de óleo de peixe

A Petrobras vai começar a produzir ainda este mês biodiesel a partir do óleo de peixe. Em nota, a estatal informou que a produção do biodiesel a partir dessa matéria-prima vai beneficiar inicialmente 300 piscicultores familiares e garantir a compra de 15 toneladas de resíduos e gorduras de peixe, por mês, de piscicultores cearenses. A produção será feita pela Petrobras Biocombustíveis na Usina de Quixadá, no Ceará, a partir do óleo extraído de vísceras de peixe, conhecido como OGR (óleos e gorduras residuais) de peixe. A companhia recebeu, em dezembro, 4,55 toneladas do produto para produção de biodiesel. Segundo informações da estatal, o volume é resultado do primeiro contrato de compra firmado com a Cooperativa dos Produtores do Curupati, em Jaguaribara, região centro-sul do estado, em 18 de dezembro de 2014. Na ocasião, também foi assinado convênio com a Secretaria da Pesca e Aquicultura do Ceará para assistência técnica aos piscicultores dos açudes do Castanhão e de Orós. As informações indicam...
Leia mais

Cientista comemora decisão da Anvisa e espera ampliação de pesquisas com maconha

A decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de reclassificar o canabidiol, passando a considerá-lo medicamento de uso controlado, e não mais como substância proibida, poderá facilitar o debate sobre os usos medicinais da maconha no Brasil. O canabidiol é uma substância presente na folha da maconha (Cannabis sativa), que é usada para tratamento de doenças neurológicas, de câncer e mal de Parkinson, entre outras enfermidades. Com a reclassificação, a expectativa é que os estudos científicos sejam ampliados, viabilizando a produção de novos medicamentos. É o que diz o neurocientista da Universidade de Brasília (UnB) Renato Malcher, que considerou a decisão uma vitória política diante de visões conservadoras. Malcher ressaltou que, antes, os estudiosos gastavam tempo e dinheiro à espera de autorização para estudar a substância. Com a decisão da Anvisa, “qualquer cientista pode simplesmente olhar um catálogo na internet e fazer a compra dele [do canabidiol] tendo que lidar apenas com a questão de taxa alfandegária e mais...
Leia mais

AWWA Sky Whale o avião do futuro

Avistar um Airbus A380 ainda é uma experiência bastante emocionante. O gigantesco avião de dois andares pode acomodar entre 500 e 850 pessoas e é o maior avião de passageiros que já voou pelos nossos céus. Mas o A380 pode se tornar uma migalha se outro gigante ainda maior conseguir se tornar realidade: o AWWA Sky Whale, uma aeronave conceitual projetada pelo designer espanhol Oscar Vinals. Com três andares para passageiros, ele mais parece o cruzamento de uma baleia com uma espaçonave de ficção científica. Mas será que esse projeto colossal é o prenúncio do futuro do transporte aéreo? No mundo da aviação comercial, maior significa melhor. O despontar da era dos jatos trouxe modelos como o Boeing 707, uma aeronave capaz de carregar mais passageiros mais rapidamente do que qualquer modelo a hélice. Nas décadas que se seguiram, os aviões ficaram cada vez maiores. O advento dos jumbos, caracterizado pelos Boeing 747, possibilitou ainda mais passageiros por voo, barateando, assim, as passagens. "Viajar...
Leia mais
http://api.clevernt.com/0d18126b-b33f-11e7-bb95-f213f22ad24e